ENTREVISTAS: José Batista Da Hora Jr. Presidente da Confederação Nacional de Mocidade da IPB

Presbítero Da Hora Jr. e sua esposa Ana Flávia

Pb. Da Hora Jr. Presidente da CNM, nosso entrevistado e sua esposa Ana Flávia

Além de viverem um momento muito especial de expansão e destacada participação na vida da igreja, os jovens presbiterianos do Brasil estão “enchendo” os olhos de todos nós pelo dinamismo e despertamento dos últimos dias.

Interessado em compartilhar com nossos leitores, irmãos, irmãs, amigos e amigas, a que se deve esse grande “avivamento” juvenil na IPB, o blogdiaconos procurou o presbítero Da Hora Jr. atual presidente da Confederação Nacional de Mocidade Presbiteriana – CNM –  e o convidou para uma conversa nesse sentido.

Bastante alegre, estiloso e vibrante, o maranhense José Batista da Hora Júnior que teve o privilégio de nascer em berço evangélico, filho de pai Pastor e mãe comprometida com a igreja e com a ação social abriu o seu coração e nos falou sobre sua ascensão no trabalho com a mocidade, os acúmulos, os desafios, sonhos, vida pessoal e espiritual, dentre outros temas.

Com apenas 29 anos de idade, o irmão de Débora e Lia Raquel, filho do reverendo José Batista da Hora e da missionária Edilamar da Cruz Batista e esposo da psicóloga Ana Flávia Teles da Hora, Da Hora ou “Minutinho,” como é carinhosamente tratado pelos mais chegados, é presbítero e grande militante do trabalho de mocidade em nossa denominação, congregando na Igreja Presbiteriana do centenário, na cidade de São Luiz – MA., e na vida secular é formado em administração, trabalhando atualmente como gerente em uma empresa maranhense, estando ainda em fase de conclusão do curso de direito, inclusive já construindo, nas madrugadas que lhes sobram, a sua TCC.

Leiamos a seguir essa formidável entrevista com o presidente da CNM, Da Hora Jr.

Entrevista 03 – Concedida ao diácono Eliezer Gomes, em 24 de março de 2014.

BlogdiaconosA que você atribui a sua ascensão à presidência da Confederação Nacional de Mocidade da IPB?

Da Hora Jr. – A vontade soberana de Deus e a Deus ter se agradado do meu desejo de servir mais e melhor em conjunto com todos os jovens brasileiros. Aprouve a Deus que eu fosse eleito em primeiro escrutínio no congresso nacional e sem realizar campanha, ou “politicagem e conchavos” – (práticas que abomino). Eu e minha esposa, já estávamos a um bom tempo em oração, nos apresentando a Deus e dizendo a Ele: “Eis nos aqui”. Costumo dizer que o maior e mais importante cargo que um Cristão pode querer é o de Servo. Independente da função que venha a exercer. E aprouve a Deus falar por meio dos conciliares e me eleger. Assumo o compromisso e esta responsabilidade com joelhos no chão, temor e tremor diante de Deus e de toda IPB e vou dedicar-me ao máximo, juntamente com toda a diretoria.

Blogdiaconos – Como se deu o seu encontro com Deus?

Da Hora Jr.Nasci em um lar evangélico e por ser filho de um pastor apaixonado por missões e uma mãe envolvida com educação e questões sociais, acabei herdando o amor por Cristo e pelas pessoas. Quis realizar a pública profissão de fé aos 12 anos e desde sempre fui engajado, atuando em todos os níveis das sociedades internas e preocupado com as causas da IPB.

BlogdiaconosTemos observado, ultimamente, uma grande movimentação por parte da mocidade presbiteriana em níveis local e nacional. Essa é também a sua constatação?

Da Hora Jr. – Sim. Na gestão anterior CNM 2010-2014(a qual tive o privilégio de servir como Vice-presidente Nordeste), foi necessário realizar um trabalho de restauração e revitalização do trabalho de mocidade a nível nacional. Primeiro que assumimos a gestão com um débito enorme para custearmos. Muitas sinodais estavam desorganizadas, inativas. Diversas federações haviam acabado e muitas igrejas não estavam mais adotando o trabalho de sociedades internas, substituindo por modelos como rede de jovens, ministérios e outros nomes que diferenciavam não apenas em nome, mas suas ações descaracterizavam até a essência da própria IPB. Tivemos que re-conquistar pastores, conselhos, concílios e o próprio jovem. E daê surgiu uma intensa movimentação, chegando a alguns níveis atuarmos na base mesmo, reestruturando e orientando federações e UMP Locais. No início tudo foi extremamente difícil, poucos recursos, distância enorme entre Confederação Nacional e UMP Local. Mas pela graça do nosso bom Deus, conseguimos vencer e hoje o panorama da Mocidade é outro. É claro que muita coisa ainda precisa melhorar, mas estamos no caminho certo e um de nossos objetivos nesta nova gestão é encurtar ainda mais a distância e fazer com que projetos e ações cheguem em todos os níveis: Desenvolvendo Sinodais, Federações e a UMP Local, contribuindo de forma mais atuante com nossa amada IPB.

Blogdiaconos Quais são as principais dificuldades enfrentadas pela Confederação Nacional e pelas confederações sinodais no desempenho do trabalho junto à mocidade presbiteriana?

Da Hora Jr.Vontade de fazer e Compromisso! Bem verdade que existem outros setores que dificultam o desenvolvimento do trabalho, como por exemplo: a falta de dinheiro, longas distâncias territoriais, falta de apoio de alguns pastores e concílios, mas, quando se coloca o joelho no chão e se quer fazer de fato, Deus, que é o Senhor da obra, toca os corações e aê os recursos aparecem, mas é necessário sairmos da zona de conforto e assumirmos de fato a linha de frente, dedicando-nos com todo nosso vigor, criatividade, disposição e atitude.

BlogdiaconosRecentemente aconteceu o Congresso Nacional de Mocidade Presbiteriana, quais foram os principais acúmulos dos últimos quatro anos?

Da Hora Jr. – “Conta as bênçãos, dize quantas sãos, recebidas da divina mão…”. Deus de fato se agradou de nós. Acredito que as principais vitórias foi o fato de ter readquirido a confiança da Igreja de maneira geral. Hoje, os pastores, concílios, conselhos e os próprios jovens voltaram a confiar e acreditar na Mocidade Presbiteriana. Nesta última gestão foram reorganizadas 25 Sinodais em todo o Brasil. Dezenas de federações e inúmeras UMP Locais. O sentimento de “acreditação” e vontade de “Ser  Testemunha” (tema do último quadriênio) ficou entronizado em todos os jovens e marcou pelo despertamento e vontade de fazer diferença onde estiver.

Blogdiaconos – Quais as principais metas definidas pelo congresso para o próximo quadriênio?

Da Hora Jr.Com base em todas as resoluções do congresso e no texto de Gálatas 5.13, tendo em mente que o amor de Cristo nos une, a diretoria CNM 2014-2018 escolheu o seguinte tema para o quadriênio 2014-2018: “Servos uns dos outros pelo amor”. Os propósitos motivados por meio deste tema a ser trabalhando junto às mocidades são: a) Incentivar a busca por intimidade com Deus; b) Despertar uma Cosmovisão Cristã para uma ação atuante em todas as esferas da sociedade; c) Incentivar que o jovem assuma o compromisso na Missão integral da igreja, dedicando-se com amor no serviço em prol do Reino; d) Aumentar a unidade, identidade, valorização e amor pela UMP e IPB.        Desta forma, pretendemos: 1) Sensibilizar o jovem quanto à importância e a maravilha de servir a Deus, doando-se em amor, a favor do reino; 2) Compartilhar a alegria da Salvação em Jesus Cristo com o próximo e com o distante; 3) Viver um Cristianismo que assista às necessidades do ser humano, dentro e fora da igreja; 4) Realizar ações que melhorem a sociedade brasileira através de uma vida piedosa, com compaixão e devoção a todos quanto for possível.

Blogdiaconos – Em sua opinião, o que mais atrai os jovens evangélicos além do amor por Cristo?

Da Hora Jr. – A forma como a Igreja vive na prática o amor que prega! A forma mais eficiente de trazer alguém a Cristo é compartilhando a alegria da Salvação por meio de ações práticas, constantes, efetivas deste amor. Se vivemos o que pregamos, tudo fica fácil e naturalmente as pessoas se sentirão atraídas em querer o que temos.

Blogdiaconos – Nota-se aqui fora uma degeneração moral muito grande e perigosa, onde o alvo maior é justamente a juventude, ameaçada pelas drogas e pela prostituição; o que a UMP pensa sobre isso?

Da Hora Jr. – Combater isto por meio de um Cristianismo puro, simples e essencial, baseado na palavra e através do testemunho de cada um. Precisamos ser o Luzeiro que fomos constituídos por Deus, bem como aplicar no dia a dia o que a Igreja Primitiva nos ensina. A igreja precisa ser cada vez mais acolhedora, sem negociar ou camuflar os princípios norteadores do Evangelho para agradar as pessoas. Precisamos viver como a Igreja Primitiva, descrita em Atos 2:42-47, perseverando na doutrina e na comunhão, cuidando de fato uns dos outros, dos de dentro e dos de fora.

Blogdiaconos – Presbítero Da Hora, fala um pouco do teu cotidiano, o que faz quando está de folga, que tipo de lazer prefere, qual seu clube predileto, um sonho em vida…

Da Hora Jr. – Bom, imagino que ao narrar o meu cotidiano, resumo bem a vida dos jovens de nossos dias, o que não significa dizer que “Estou sem tempo para ir para igreja” ou “Não tenho condições de assumir uma função ou cargo em servir a Igreja”. Costumo aplicar e incentivo os jovens a terem uma vida de intimidade com Deus e isto envolve renúncia de nosso tempo. Não adianta dar apenas o dízimo das nossas finanças, é importante entregarmos o dízimo do nosso tempo para uma vida mais sadia e de profunda intimidade com Deus, desta forma, diariamente, reservo em torno de 2:30h momentos de oração, leitura da palavra e louvor. Nossa vida é feita de escolhas e cada um de nós escolhe aquilo que ama e que é prioridade. Durante a semana, no horário comercial trabalho como gerente e administro uma empresa que exige que as vezes viaje até os supermercados da mesma que ficam a 200 km de São Luís para resolver algumas questões, tendo que retornar as vezes no mesmo dia devido as aulas a noite da universidade do Curso de Direito (Estou no último semestre). Nas madrugadas faço a monografia do Trabalho de Conclusão de Curso e outros cursos paralelos e preparatórios para a OAB nos finais de semana que não estou viajando a serviço da Igreja. Finais de semana que não tenho alguma atividade servindo a Igreja, dedico-me a um passeio com minha esposa, cinema, teatro ou atividade esportiva como andar de bicicleta. Quando isto não é possível nos finais de semana, damos um jeito de sairmos para namorar durante a semana. Entendo que o primeiro ministério dado por Deus na vida de um homem é cuidar de sua família e amar sua esposa, como Cristo amou a Igreja. Gosto muito de andar de bicicleta, correr, jogar futebol. Não sou um torcedor muito “fanático”, mas sou Flamengo, gosto do bom futebol e sempre que possível assisto jogos, mesmo de outros clubes.

Blogdiaconos – Já agradecendo pela sua disponibilidade e atenção para conosco, te pedimos que deixe uma mensagem aos jovens brasileiros e em especial a mocidade presbiteriana.

Da Hora Jr.Que possamos nos dedicar cada vez mais ao trabalho do Senhor. É maravilhoso o privilégio que Deus nos dá de sermos escolhidos por Ele, para compartilharmos a alegria da Salvação. Vamos juntos! Participem conosco e nos ajudem a desenvolver diversos projetos e ações que serão divulgados em breve. Acesse o nosso site: www.ump.com.br , participe do nosso grupo: www.facebook.com/groups/umpoficial e curta nossa fan-page: www.facebook.com/ump.nacional ! Servos uns dos outros, pelo amor!

Alegres na Esperança! Fortes na Fé! Dedicados no Amor! Unidos no Trabalho!

Oração e contrição, uma atitude constante na vida do irmão Da Hora

Oração e contrição, atitudes constantes na vida do irmão Da Hora

A família, força importante na formação de seu caráter

A família, força importante na formação de seu caráter

Na Paraíba articulações a serviço do Reino de Deus

Na Paraíba, articulações a serviço do Reino de Deus

Na Bahia. articulações a serviço do Reino de Deus

No Maranhão, sua terra, articulações a serviço do Reino de Deus

Em Palmas, articulações a serviço do Reino de Deus

Em Palmas, articulações a serviço do Reino de Deus

Com outras lideranças jovens construindo estratégias para o trabalho

Com outras lideranças jovens construindo estratégias para o trabalho

Descontração e degustação com os familiares

Descontração e degustação com os familiares

Com o diácono PC (exímio fotógrafo da IPB de Senador Camará do Rio de Janeiro. Um grande líder faz parte da nação rubro negra

Com o diácono PC (exímio fotógrafo da IPB de Senador Camará no Rio de Janeiro). Flamenguista por convicção.

Prestigiando a Confederação Nacional de Homens Presbiterianos

Prestigiando a Confederação Nacional de Homens Presbiterianos – CNHP – durante o lançamento do projeto UPH na Copa – Catedral do Rio de Janeiro

Em Fortaleza - CE., ao lado da irmã Ana Maria Prado, reeleita presidente da CNSAF'S

Em Fortaleza – CE., ao lado da irmã Ana Maria Prado, reeleita presidente da CNSAF’S

5 Respostas para “ENTREVISTAS: José Batista Da Hora Jr. Presidente da Confederação Nacional de Mocidade da IPB

  1. Damos graças a Deus pela vida do irmão Pb Da Hora Jr. O SENHOR deu a esse jovem um coração corajoso e ousado para aceitar todos esses desafios. Meu irmão! Não há trabalhos que você faça ou que se envolva, em que o Pai, não esteja com você, através do seu poder e provisão. Continue!!

  2. Olá pessoal Presbiteriano, bom dia!
    Fico feliz em ver o trabalho crescente dessa mocidade presbiteriana. Excelente entrevista, pois, gostei muito de ler o que pensa e como atua a liderança jovem.

    Kel
    Ribeirão Preto

  3. Presb. Josinaldo Ferreira

    Estamos vivendo um momento muito feliz em UMP, graças ao nosso Deus,mas tambem destacamos o nosso Presidente Da Hora Jr. que tem feito um trabalho bacana e com muita deddicação ao reino de Deus atraves da nossa CNM, portanto fico feliz por esse destaque, valeu amigo… DA HORA JR.

  4. Excelente matérias e agradeço ao blogdiaconos pelo espaço concedido e carinho do Dc. Eliezer, bem como pelas palavras de incentivo e apoio dos amigos preciosos Pb. Paulo Ivo, Pb. Josinaldo e da Ana Rakel… Incluam sempre em suas orações a vida de nossos jovens espalhados por todo o Brasil. Precisamos muito da cobertura espiritual de vcs. Em breve, encaminharemos alguns projetos e ações que serão desenvolvidas nesta gestão para serem compartilhadas e divulgadas pelos preciosos irmãos deste blog. Grande abraço! Vamos juntos! Contem conosco sempre! Servos uns dos outros, pelo amor!

  5. Fico feliz também por ver essa geração de jovens evangélicos reformados buscando organizar os grupos para anunciar o evangelho e contribuir com a libertação de uma grande massa, hoje, dominada pelo vício, prostituição e crime.
    Parabéns ao abnegado Diacono Eliezer e pelas sábias respostas do jovem presbítero José da Hora.

    Jorge Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *