As boas novas

VERSÍCULO: “…ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres.” — Lucas 4:18

PENSAMENTO: Um evangelista contou a história de sua mãe, que era a personificação do amor. Um dia ele a encontrou na sala da casa com um velho mendigo. Aparentemente, voltando das compras, ela encontrou o velhinho e o convidou para sua casa para tomar uma boa refeição. Durante a conversa o mendigo fez um desabafo – “Eu queria que tivesse mais pessoas como a senhora nesse mundo” ele falou. A senhora respondeu “Mas existem! Você tem que procurar por elas.” A isso o mendigo replicou “Mas, senhora, eu não precisei lhe procurar. Foi a senhora que me procurou.” É bem verdade que o que Jesus veio trazer aos pobres não foi dinheiro ou bens. Ele trouxe uma mensagem. Acima de tudo é essa mensagem que precisamos levar. Mas, há pessoas que vivem numa miséria tão gritante, que só irão acreditar na mensagem do Evangelho quando a virem vestida de ações de amor como daquela senhora – como de Jesus. Jesus não esperou que as pessoas necessitadas e excluídas fossem atrás dele. Ele foi atrás delas. E nós, os discípulos dele? O que faremos? ORAÇÃO: Bendito Pai, eu não posso ressuscitar ninguém, nem curar um cego. Mas, eu posso fazer um pequeno milagre ao ir atrás de uma pessoa necessitada. Por favor, Pai, ajude-me a enxergar as pessoas que Jesus está procurando. Eu sei que com a ajuda do Senhor eu as encontrarei. Em nome de Jesus eu oro. Amém. [*** Muito obrigado pelas visitas aos anunciantes. É uma grande ajuda para este ministério.]

http://www.hermeneutica.com/jd/2/0518.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *